Home | Loja Virtual | Colunistas

Como evitar escaras?

Os doentes acamados são mais suscetíveis a desenvolveram escaras, (feridas abertas e dolorosas), devido ao longo tempo sentados ou deitados e, na maioria das vezes na mesma posição. A formação de escaras se dá por causa da pressão colocada sobre determinadas partes do corpo, que reduz a circulação sanguínea. Se a posição da pessoa não for mudada regularmente, o fornecimento de sangue pode tornar-se tão baixo provocando a formação das escaras.

Como preveni-las

::: Os acamados passam grande parte do dia deitados, logo, é importante garantir o conforto e higiene diária, ambos igualmente importantes na prevenção de escaras. Por isso, escolha sempre por lençóis de 100% algodão que combatem a transpiração e podem ser lavados em temperaturas elevadas.

::: Para evitar escaras é fundamental que os lençóis sejam trocados diariamente e, preferencialmente que sejam sempre esticados. Os lençóis enrugados limitam a circulação e contribuem para a formação das feridas.

::: Altere a posição do acamado com regularidade. Uma pessoa acamada deve mudar de posição, (ou ser ajudada a mudar) de 2 em 2 horas. No caso de estar sentada numa poltrona ou cadeira de rodas, tente mudar de posição a cada 15 minutos.

::: Outra maneira de evitar escaras é o uso de almofadas ou forrações ortopédicas. Um acamado não deve ficar deitado diretamente sobre o osso da anca, principalmente, quando estiver posicionado de lado. Opte sempre por apoiá-lo numa almofada para assegurar que o peso do corpo esteja sobre as nádegas, ao invés do osso da anca. As almofadas também devem ser usadas para manter os joelhos e os tornozelos afastados; sendo ainda posicionadas sob a barriga da perna, para que a pessoa possa levantar os tornozelos levemente.

As escaras tendem a se desenvolver nas zonas mais ‘ossudas’ do corpo, por isso, para prevenir é importante estar atento às seguintes áreas do corpo: calcanhares, ancas, cóccix, omoplatas, costas, joelhos e nuca.

Zelar pela higiene pessoal de um paciente acamado é essencial não só para o seu bem-estar como também para sua dignidade. Para quem cuida da pessoa acamada e costuma prover o banho é aconselhável observar o estado da pele, aplicar uma Loção Oleosa Anti-Escaras para hidratar e evitar que a pele seque demasiadamente.

Faça pequenas massagens que ativam a circulação, porque são sempre benéficas para a prevenção de escaras no acamado. Além de ser confortante é também um ato de carinho.

Constatando a existência de uma ou mais escaras no acamado é imprescindível tratá-las imediatamente para prevenir infecções. As escaras devem ser limpas com água e sabão neutro ou uma solução antisséptica, seguida da aplicação de uma pomada antibiótica (recomendada pelo médico), e tapadas com gaze esterilizada. Se, depois de uma semana, a ferida não estiver cicatrizada e o local estiver sensível e a pessoa se queixar de dores, consulte o médico imediatamente.

Atualmente existem acessórios e produtos eficientes que colaboram para o conforto de uma pessoa acamada. Clique aqui e conheça nossos produtos que auxiliam na redução da pressão das zonas mais vulneráveis à formação de escaras, assim como o alívio das escaras já existentes na pele.

Fonte: BOA SAÚDE – UOL / Foto: Divulgação